Três alunas da APAE – Associação de Pais e Amigos Excepcionais, de Itaperuna- RJ, são vice-campeãs da Copa do Mundo de Futebol Unificado na Special Olympics, em Chicago, USA. Elas fazem parte da Seleção Brasileira Feminina junto com outras integrantes do estado. Além da Seleção conquistar o segundo lugar no mundial, também foi premiada nas categorias como melhor organização, melhor equipe unificada e melhores parceiras e espírito esportivo.

“Estamos muito felizes com essa conquista. Podemos perceber a importância da parceria entre alunos e não alunos no esporte, assim como governo e instituição. Isso fortalece qualquer ação”, disse Priscila Verdan, secretária interina de Educação de Itaperuna.
A APAE é uma entidade filantrópica que recebe subsídios da Prefeitura de Itaperuna, através da Secretaria de Educação.

A competição comemorou os 50 anos de Fundação da Special Olympics, que é uma organização mundial sem fins lucrativos que tem o objetivo de apoiar as pessoas com deficiência intelectual, desenvolver a sua autoconfiança, capacidades de relacionamento interpessoal e sentido de realização através do esporte. Cerca de 2,5 milhões de atletas de todas as idades de mais de 200 países estavam envolvidos nas olimpíadas. A organização oferece apoio e atividades de treino para atletas durante todo o ano em competições em vários esportes olímpicos.

O time de Itaperuna, em 2017, foi campeão no módulo B da Liga de Futsal Norte-Noroeste Fluminense das Olimpíadas Especiais Brasil, com isso, realizou-se a convocação oficial das atletas vencedoras e de outras que já fizeram parte da seleção brasileira.

DECOM