Determinado a mudar o cenário político em Itaperuna, o PSL, partido do presidente Bolsonaro, chega com força

Compartilhe
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Determinado a mudar o cenário político em Itaperuna, o Partido Social Liberal (PSL), partido do presidente Bolsonaro, chega com força no município. Recentemente, o partido atraiu muitas pessoas em duas reuniões realizadas na sala 17 A do Shopping Goumert localizado no bairro Cidade Nova.

Em todo discurso o PSL prega discordância com a administração atual e as anteriores do município. A ideia é seguir pela contramão do sistema. A postura tem surtido efeito. Atualmente, são 182 pessoas filiadas na cidade. A tendência é que esse número cresça de forma considerável, principalmente a partir do dia 17 de agosto, quando será realizada uma campanha nacional de filiação.

“Acho que três coisas nos diferenciam da política municipal tradicional. Primeiramente nosso partido é composto por pessoas de fora da política. Não tem nenhum vereador ou ex-vereador liderando o grupo. Também não tem ninguém da política tradicional no nosso meio. Em segundo lugar destacaria o fato de as lideranças do nosso partido terem vindo dos movimentos populares de 2015 e 2018. Ou seja, os medalhões da política tradicional ficaram de fora. Isso é raríssimo na política. O maior partido do país ficar sob controle de movimentos populares. Também acho legal destacar que não estamos tentando apenas mudar por mudar. Nós queremos fazer diferente e melhor. Itaperuna optou pela mudança três vezes nas últimas três eleições e cada mudança o quadro piorou, queremos fazer diferente”, ponderou o presidente do partido no município, Robson de Almeida Junior.

Por Jorge Luiz / Fotos: Divulgação