As urnas eletrônicas que serão usadas nas eleições 2020 em Itaperuna e mais 11 municípios do Noroeste Fluminense estão sendo preparadas para o próximo dia 15 de novembro. Esse processo está ocorrendo nesta sexta-feira (06), na sede da 107 Zona Eleitoral, no Centro de Itaperuna.

Cerca de 750 urnas começaram a ser identificadas, configuradas e testadas e a previsão é que o trabalho termine por volta das 17h de hoje. A inseminação é o processo de instalação dos programas nas urnas eletrônicas, com os nomes, números e fotos de candidatos, dados dos partidos e coligações e a ordem de votação. O procedimento também inclui a inserção de informações dos eleitores de cada seção eleitoral.

Participam do trabalho 27 técnicos de urnas responsáveis por testar os equipamentos e inserir informações dos candidatos a prefeito e vereadores das suas respectivas seções nos municípios de Santo Antônio de Pádua; Aperibé; Natividade; Varre-Sai; Porciúncula; Bom Jesus do Itabapoana; Cambuci; Itaocara; Itaperuna; São José de Ubá; Laje do Muriaé e Miracema.

Depois de feito o trabalho de inseminação, os equipamentos voltam às caixas com nome e número da seção para onde serão enviadas e permanecem na sede do Judiciário de Itaperuna.

O juiz eleitoral de Itaperuna Dr. Maurício dos Santos Garcia e o promotor eleitoral Matheus Gabriel dos Reis Rezende junto a representantes de partidos e coligações participaram do procedimento o que segundo o TRE visa garantir a lisura e segurança durante todo o andamento da inseminação das urnas.

Por Jorge Luiz / Lili Bustilho