A solenidade em alusão à tragédia ocorrida na Região Serrana, completados agora dez anos, aconteceu em todos os quarteis de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro com início às 23:00 horas do dia 11 de janeiro de 2021, tendo sua culminância às 00h00 min do dia 12 de janeiro de 2021. Houve o chamamento nominal dos militares tombados em serviço, execução do brado de socorro, seguido de toque de silencio, simbolizando os militares que não retornaram.

Na madrugada desta segunda-feira (11) para terça-feira (12), o Estado vivenciou um desastre natural de caráter ímpar em toda a história, decorrentes de adversidades atmosféricas o Estado do RJ, especialmente a região serrana, por sua peculiar geografia, foi assolado por fortes chuvas, deslizamentos de terra e outras adversidades que no seu esteio trouxe mortes, desabamentos, gerando centenas de desabrigados e desalojados, destruindo haveres, e principalmente ceifando e soterrando vidas, histórias, interrompendo planos e lançando uma sombria incerteza do porvir.

Assim foram acionados os companheiros do 6º Grupamento de Bombeiro Militar – Nova Friburgo. Nesta ocasião, as precipitações pluviométricas provocaram significativa instabilidade do relevo da região serrana do Rio de Janeiro, culminando em grandes deslizamentos de terra que devastaram bairros inteiros, deixando um rastro de destruição, e ceifando a vida de mais de 900 pessoas.

Este desastre, considerado o maior da história do país, demandou esforços totais de resposta do CBMERJ somados à atuação ampla e incisiva de toda a Secretaria de Estado de Defesa Civil, integrando diferentes órgãos no atendimento às vítimas e na mitigação de todo aquele infortúnio.

Há dez anos, valorosos bombeiros militares levaram seus juramentos ao mais sublime significado e ofertaram suas vidas no cumprimento da missão: “vida alheia e riquezas salvar”. E aos cinco guerreiros tombados no cumprimento do dever, as mais respeitosas continências:

 

2º Sargento BM Q00/91 MARCOS ANTÔNIO VERLY DA CONCEIÇÃO;

3º Sargento BM Q01/97 ISAC BRAVO;

3º Sargento BM Q00/08 VICTOR LEMBO SPINELLI;

3º Sargento BM Q00/08 FLÁVIO UANDERSON RODRIGUES DE FREITAS; e

Cabo BM Q00/97 RUAN CARLOS BENTO GUARILHA.