A Prefeitura de Itaperuna, através da Secretaria Municipal de Saúde, vem se estruturando e planejando levar os serviços de pré-natal para os bairros e distritos. O Programa de Atenção Integral à Saúde da Mulher (PAISM) já está realizando capacitação junto a médicos e enfermeiros, visando a descentralização do atendimento, que será efetuado nas UBS (Unidade Básica de Saúde).

Maria Inês Monteiro Costa, subcoordenadora administrativa do PAISM, destacou a necessidade de realizar a descentralização. “A descentralização é necessária e uma recomendação do Ministério da Saúde. Temos gestantes residentes em Boa Ventura, ou no Bairro Cehab, por exemplo, que precisam vir ao Centro de Saúde Dr. Raul Travassos, para fazer uma consulta”, comenta.

Em breve, deslocamentos como esses citados no exemplo, não serão mais necessários. A equipe do Programa Saúde da Mulher já iniciou o trabalho de capacitação com médicos e enfermeiros das UBS. Em um primeiro momento, foram distribuídos material teórico, impresso, aos profissionais e realizadas reuniões online com as equipes.

A partir do mês de maio serão realizados encontros para a capacitação prática. O enfermeiro e o médico da UBS vão participar da capacitação prática, acompanhando a consulta de um obstetra. Ao final das consultas realizadas no dia, eles também participarão de um momento de estudo de caso, analisando e trocando informações sobre as consultas realizadas.

Para a capacitação prática, o Programa Saúde da mulher tem uma parceria com a Secretaria de Estado de Saúde, com a atenção primária; e ainda conta com o apoio do Dr. Júlio Marco Soutelino Costa. Todos os médicos e enfermeiros das 20 UBS instaladas no município participam da capacitação.

Após o término da capacitação e, consequentemente com o processo de descentralização concluído, o Programa Saúde da Mulher continuará sendo referência de alto risco; e atendendo as pacientes de baixo risco, que residam em localidades sem a cobertura das unidades básicas.

DESCENTRALIZAÇÃO DA COLETA DE PREVENTIVO
Já a capacitação sobre a descentralização da coleta de preventivo foi realizada no mês de fevereiro. “Já fizemos capacitação teórica e prática, além de treinamento sobre parte burocrática, como preenchimento de fichas, leitura de resultados do preventivo, dentre outros, com as enfermeiras das UBS. O treinamento da parte teórica foi realizado com a Dra. Renata Gontijo; e a parte prática, com as enfermeiras da Saúde da Mulher”, finaliza Maria Inês.

Capacitação para coleta de preventivos e leitura de resultados, realizada no mês de fevereiro
Maria Inês (segunda, da direita para esquerda), subcoordenadora administrativa do PAISM, informou que a partir de maio serão realizados encontros para a capacitação prática

DECOM – Itaperuna