A Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento e a Superintendência de Defesa Agropecuária, por meio da Coordenação Setorial de Educação Sanitária, realizaram entre os dias 17 e 18 de maio a capacitação de professores do ensino fundamental de áreas rurais para que possam implantar e implementar o projeto Educação Sanitária nas Escolas Rurais. Nesta segunda capacitação participaram: professores, implementadores pedagógicos, orientadores pedagógicos e responsáveis pelos programas e projetos das Secretarias Municipais de Educação, totalizando 34 participantes de 24 escolas, com envolvimento de mais de 400 alunos.

A capacitação foi feita de forma on-line em parceria com os municípios de Areal, Angra dos Reis, Rio Bonito, Silva Jardim, Barra Mansa, Quatis, Resende, Itatiaia, São Francisco de Itabapoana, São João da Barra e suas Secretarias Municipais de Educação e Agricultura, através da aplicação de material educativo sobre os seguintes temas: febre aftosa, raiva, brucelose, tuberculose, alimentos seguros, teníase, agrotóxicos e destino das embalagens, temas relevantes para a vida no campo.

O intuito é esclarecer os principais aspectos socioeconômicos das doenças, seus sinais clínicos, transmissão, riscos, manejo na vacinação dos animais, prejuízos e prevenção, higidez dos alimentos e a importância do uso correto dos agrotóxicos e destino das embalagens em prol do meio ambiente e da saúde coletiva, de forma lúdica e integrada com outros temas do currículo infantil.

Para o secretário de Agricultura, Marcelo Queiroz, esse projeto conta com uma excelente didática na construção do aprendizado dos alunos, possibilitando um maior conhecimento sobre sanidade agropecuária.

– Além de criar multiplicadores dos temas abordados, queremos que o aluno leve o que aprendeu em sala de aula aos seus familiares, difundindo noções de saúde coletiva através do estímulo à leitura, despertando também o interesse dos jovens pela permanência no campo, entre outros. – Explicou o secretário.

Após a capacitação, os professores passam a inserir os temas para os alunos nas disciplinas ministradas. Todo material didático é disponibilizado pela Secretaria de Agricultura. No fim do ano letivo, alunos e professores receberão um certificado de participação.

Confira as cartilhas com material educativo, dividido pelas temáticas citadas acima. Acesse: https://bit.ly/2S4FTpi