A Secretaria de Estado de Turismo (Setur-RJ) participou, nesta terça-feira (15/06), da inauguração da Loja da Economia Solidária, no Boulevard Shopping, em Campos dos Goytacazes, na Costa Doce. O evento contou com os artesãos dos municípios de Cardoso Moreira, Carapebus, Quissamã, São João da Barra e Campos. Foram entregues ainda carteiras de artesãos e kits de qualificação profissional.

Segundo o secretário de Turismo, Gustavo Tutuca, que estava presente na cerimônia, o evento marca a oportunidade para as pessoas se qualificarem e obterem recursos financeiros para sua sobrevivência.  “Nós precisamos de duas vacinas: a no braço e a do emprego, no combate à fome. Muitas pessoas têm sua subsistência através do artesanato, onde geralmente o trabalho começa como um hobby e acaba virando primeira fonte de renda. Não devemos nos esquecer que o artesanato precisa do turismo e o turismo precisa do artesanato, é um casamento perfeito”, ressaltou.

Representando todos os artesãos, Sandra Regina dos Santos de 64 anos, moradora de Campos dos Goytacazes, recebeu a tão sonhada Carteira Nacional de Artesão. Emocionada pela conquista, explicou como surgiu a ideia do trabalho. “Eu comecei a fazer artesanato por necessidade para aumentar a renda, já que como merendeira de escola pública ganhava muito pouco. Minha irmã me incentivou e fui pegando o gosto. Estou há 10 anos nessa área, faço de tudo um pouco, costura criativa, trabalho com reciclagem. No artesanato é tudo fascinante”, comemora.

O evento contou ainda com a presença do vice-presidente da TurisRio, Fernando Costa, do coordenador do Programa Estadual do Artesanato, Marcel Vasconcelos, do secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Campos dos Goytacazes, Marcelo Mérida, e o diretor de Marketing no Grupo Caçula, Roberto Caçula.